top of page
Buscar
  • Foto do escritorChristian Stahler Padilha

Verificado do Twitter por 8 doláres; vale a pena para os criadores de conteúdo e influencers?

Elon Musk, o mais novo diretor-executivo do Twitter, já está trabalhando nas mudanças que a rede social terá sob seu comando. Uma delas, que mais chamou a atenção, foi a do selo azul, o selo verificado. Este novo selo custará 8 doláres, na cotação atual (03/11/2022) aproximadamente 41 reais.


Também disse que o valor será reajustado variando com os países. Toda essa novidade fará parte de uma assinatura do “Twitter Blue”, que será a versão paga da rede. Nesta assinatura, o bilionário disse que vídeos mais longos poderão ser publicados, haverá menos anúncios e a assinatura seria uma forma de evitar golpes, com “prioridade nas respostas, menção e busca.”



Levando em consideração que muitas pessoas desejam o verificado do Twitter, e as que conseguem, ganham em troca uma certa visibilidade dentro da rede, sendo algo chamativo, enquanto do outro lado os critérios começarem a ser questionados, até mesmo pelo bilionário, será que a mudança é uma boa ideia? O assunto está dividindo opiniões e algumas páginas famosas falam sobre não serem notadas na rede.


A primeira parte é pensar na segurança. As contas verificadas demonstram que o dono da conta é o verdadeiro, ainda mais quando se é uma pessoa pública e conhecida, perfis fakes podem aparecer e ser difícil de perceber quem é o verdadeiro encarregado daquela rede, quando não se tem uma rede pré-criada lá dentro.


Agora, falando sobre alcance, mesmo quem não te conhece, quando vê o seu nome e o símbolo azul, acaba tendo uma curiosidade e acaba por visitar o seu perfil. Normalmente, são jornalistas ou criadores de conteúdo que possuem uma notabilidade e trabalham com o interesse público, assuntos que influenciam na sociedade ou na reportagem de informações.


O desejo de muitas pessoas é ter este significado a curto prazo e elas seriam capazes de gastar com isso sem nenhum problema. A burocracia por trás do modelo atual é duramente criticada por Elon e a acessibilidade, mesmo sendo paga, é algo interessante, mas que não deve ser usada como ponto de partida para começar a criar sua história na Internet neste periodo de tempo. Explicamos o porquê.


O Twitter é uma rede social que é preterida quando o assunto é ser influencer ou ser ativo com sua comunidade com câmeras e gravações, como é o stories do Instagram, que acaba por ser uma terra desejada por todos. Para quem está iniciando nesse mundo agora, de querer ser um Youtuber ou trabalhar em conjunto com alguém desta área, é perceptivel que o Twitter, apesar de ser um meio popular, não é o mais procurado para divulgação e o algoritimo será mudando pensando nisso, pessoas que desejam colocar o seu video (não o link) na rede não conseguem e será uma abertura nesta assinatura.


Através de um tweet, Musk dizia que era para "dar poder para o povo" e pensando pela coletividade da Internet, é algo interessante. Sabendo que o visual dos perfis nas redes são algo muito procurado e trabalhado, tanto que novas funções visando essa ampliação são criadas, o verificado, se for combinado com o Marketing pessoal, vale a sua reflexão.

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page